segunda-feira, junho 19, 2006

"Guru" da paleontologia dos dinossauros (Philip Currie) visita Portugal

O famoso paleontólogo Philip Currie vem a Portugal para conhecer os dinossauros da Lourinhã, a convite do Museu da Lourinhã.

O paleontólogo Philip Currie, da Universidade de Alberta, no Canadá, é um dos mais prestigiados investigadores de dinossauros, nomeadamente de dinossauros carnívoros. Este investigador foi autor de vários livros e de dezenas de artigos científicos, organizou escavações na Argentina, China, Canadá, tendo descrito quinze novos dinossauros, incluindo os carnívoros Monolophosaurus, Sinraptor, e Caudipteryx. Alguns dos primeiros dinossauros com penas estão entre os seus principais estudos, o que lhe granjeou a fama tendo sido o tema da capa da famosa revista Time.
A sua última grande descoberta é o enorme dinossauro carnívoro Mapusaurus, recolhido na Argentina

Em Portugal, Philip Currie irá proferir a uma palestra no Museu da Lourinhã no domingo, dia 19 de Maio pelas 18 horas, dedicado a “Evolução dos Dinossauros Terópodes (Carnívoros)”, tema da sua especialidade.
O paleontólogo irá também ser homenageado na Lourinhã, plantando uma árvore num espaço público da vila. A espécie escolhida é um Ginkgo biloba, que é considerada um fóssil vivo, pois já existia no tempo dos dinossauros. A tradição de plantação simbólica de uma árvore ginkgo na Lourinhã foi iniciada pelo paleontólogo português Miguel Telles Antunes, a convite do Museu da Lourinhã.

A visita é o resultado da colaboração que tem sido mantida entre o Museu da Lourinhã e este investigador canadiano.

Veja mais sobre Philip Currie em http://www.earthsky.com/shows/edgeofdiscovery_profiles.php?id=47083 e em http://www.biology.ualberta.ca/faculty/philip_currie/

1 comentário:

Catarina disse...

Eu queria saber se para ser paleontologo tem que se fazer doutoramento? E se não dá para fazer em Portugal aonde se pode fazer? Aonde é que o senhor fez?
catarinacata@sapo.pt
Mande a resposta para este e-mail se poder.